Padre Victor
Anjo Tutelar de Três Pontas, MG

Assista a Festa do Padre Victor Aqui

Clique Aqui!


Novena dos 114 anos de morte do Beato Pe. Victor

O mês de setembro de 2019 marca a novena dos 114 anos de morte do Beato Padre Victor, que nos deixou em 1905, aos 78 anos.

O documento de orações foi preparado por Dom Pedro Cunha da Cruz, Bispo Diocesano de Campanha, e sua equipe.

Para fazer o download do material, que já está disponível em formato PDF, é só clicar Aqui.


NOVENA BEATO PE. VICTOR 2019

Tema: A missão do Beato Padre Victor, homem da Igreja, fiel testemunha de Jesus Cristo.

No ano extraordinário missionário, a Igreja pretende renovar a consciência de um discipulado pautado no verdadeiro encontro com Cristo, encorajando todos os batizados ao anúncio do Evangelho da alegria.

A Igreja deve ser, incessantemente, consciente de sua missão evangelizadora no mundo. A missão faz parte da natureza da Igreja. Não há outra forma de ser cristão, pois o fundamento de nossa pertença a Cristo está no seu próprio “Ide, missionário”. Portanto, o anúncio do Evangelho deve chegar à mente e ao coração de cada pessoa através de nossa pronta resposta ao mandato missionário. No centro deste anúncio não deve estar uma simples ideia, mas o amor misericordioso de Deus, manifestado em seu Filho Jesus. Este Evangelho deve ser anunciado por todos os batizados e enviados de forma integral, corajosa e autêntica; ainda que em meio a um mundo que parece ter perdido o sentido das coisas perenes, e em profunda transformação.

Os cristãos, discípulos e discípulas, leigos e leigas, a partir da vivência da fé comunitária e dinâmica, devem assumir seu papel na Igreja e no mundo. Sem o nosso “sim” generoso ao mandato de Cristo, a missão não acontece, dado que a fé autêntica não é cômoda e nem individualista. Não devemos temer. Não nos faltará a ajuda e a assistência do Espírito Santo nesta seara. O Senhor Ressuscitado caminha conosco na história. A sua graça nos acompanha para cumprimos a missão que nos foi confiada. Como bem nos recordou o Papa Francisco: ”eu sou uma missão nesta terra, e para isto estou neste mundo. É preciso considerarmo-nos como que marcados a fogo por esta missão de iluminar, abençoar, vivificar, levantar, curar e libertar” (EvangeliiGaudium, 273).

Por fim, viver a dignidade do batismo significa assumir um modo exigente de vida, que supõe engajamento e responsabilidade no contexto em que vivemos. Somente assim seremos sujeitos ativos de evangelização. O Beato Pe. Victor, vivendo a resposta ao amor a Cristo no testemunho e serviço aos irmãos, foi um precioso e autêntico sinal da presença de Deus em meio aos fiéis. Para tanto, soube viver como servo traduzindo o Evangelho em missão aos mais pobres e desvalidos, doando sua vida ao rebanho de Cristo a ele confiado. Vivia o ministério sacerdotal numa incansável missão de anunciar o Evangelho como apóstolo da caridade, isto é, “a fé agindo pelo amor” (Gl 5, 6). Beato Pe. Victor, interceda por nós, a fim de sermos todos batizados e enviados.

Com bênçãos de pai e pastor,
Dom Pedro Cunha Cruz
Bispo Diocesano de Campanha, MG

Imprimir