Associação Padre Victor

Notícias › 04/06/2014

Secretaria para Economia terá escritório em local histórico

Secretaria-EconomiaA Secretaria para a Economia, o novo dicastério da Cúria romana confiada ao Cardeal australiano George Pell, terá a sua sede na “Torrione San Giovanni”, torre medieval localizada na parte mais alta dos Jardins Vaticanos. A informação foi divulgada nesta terça-feira, 3, pela Santa Sé.

A torre medieval, que no passado acolheu Papas e hóspedes ilustres, receberá os escritórios do Prefeito e de seus colaboradores, entre os quais o Secretário do novo Conselho para a Economia, o canonista britânico, Monsenhor Brian Ferme, encarregado de elaborar os estudos destes dois novos organismos criados pelo Papa Francisco em fevereiro.

A ‘Torrione San Giovanni’ localiza-se na extremidade ocidental da Cidade Estado do Vaticano, próxima ao heliporto e a réplica da Gruta de Lourdes. Construída em 848 no Pontificado do Papa Leão IV, a torre faz parte das fortificações da Cidade leonina, construída para proteger a Colina Vaticano e a Basílica de São Pedro dos muçulmanos.

Na parte oposta do pequeno Estado, próximo à Porta Santa Ana, situa-se a ‘Torre Nicolò V’, sede do instituto para as Obras de Religião (IOR).

Abandonada por séculos, a “Torrione San Giovanni” foi restaurada por João XXIII, para transformá-la em residência pontifícia de verão. Foi o único Papa a utilizá-la com este fim. Posteriormente, a torre recebeu personagens conhecidos, como o Patriarca de Constantinopla Atenágoras, em 1967, quando foi hóspede de Paulo VI.

Em 1979, também o Papa João Paulo II ali viveu alguns meses, enquanto era reformado o apartamento pontifício no Palácio Apostólico. Em 2008, o Papa Bento XVI a escolheu como local de encontro com o Presidente estadunidense George Bush.

Por Canção Nova com vatican.news

X